> Palavras não ditas.: Brincadeira

Brincadeira


.

- Mas, como é, essa brincadeira? Perguntou Júlia.
- É bem simples...
Antes de terminar a frase. Entra ele. De blusa branca, radiando o caminho, com seu olhar sedutor, que fez Sophie suspirar - Como ele é lindo..
- O que você disse ?
- Nada Júlia, nada! Responde a garota desconfiada.
Então, vinha ele, ao encontro das duas moças. Ao chegar Júlia afobada como sempre, inclui Jake na conversa , sem mesmo pedir autorização.
- Sophie estava falando sobre uma brincadeira antes de você chegar. Bom que agora, ela fala pra nós dois.
- Sério? Que brincadeira é essa Sofi? Ela amava quando ele à chamava assim.
Sophia rir , meio de lado e diz:
- Você não pode saber Jake!
- Mas porque? Pergunta os dois , sem entenderem absolutamente nada.
Sophie começa a conversar consigo mesma em seus pensamentos solitários.
Júlia sai indignada, resmungando. A garota odiava quando a amiga fazia isso.
Jake no entanto insistiu que Sophie contasse o porquê que ele não poderia saber da tal brincadeira.
Sophie criou um pouco de coragem o pronunciou tranqüilamente cada palavra.
- Você brincaria comigo?
- Sim
- Deixaria eu brincar com você?
- Sim. Mas que brincadeira é essa? Jake já estava roendo de curiosidade.
- A da Felicidade.
- Felicidade? Repetiu o rapaz sem conseguir entender.
- A brincadeira é o seguinte...

... Você me deixa te fazer feliz,
que eu ficarei feliz de estar com você.
E assim ficaremos felizes juntos meu querido Jake.



Ingrid Rodrigues











  1. A brincadeira da Felicidade!
    Gostei! Quero brincar. *-*

Postar um comentário